A Criação de Adão e Eva

Adam e Chava, Adão e Eva, formaram o primeiro casal da história humana. Eles habitaram no גַן-עֵדֶן gan eden, o jardim do éden.

Antes de começarmos a falar, mais especificamente, sobre a Criação de Adão e Eva, gostaria de destacar uma palavra muito importante para o entendimento da Criação da primeira mulher: O verbo בָּנָה banah.

Para que possamos entender melhor este estudo bíblico, vamos ver como está escrito o texto no seu original em hebraico:

וַיִּבֶן֩ יְהוָ֨ה אֱלֹהִ֧ים ׀ אֶֽת־הַצֵּלָ֛ע אֲשֶׁר־לָקַ֥חמִן־הָֽאָדָ֖ם לְאִשָּׁ֑ה וַיְבִאֶ֖הָ אֶל־הָֽאָדָֽם׃

E da costela que o Senhor Deus tomou do homem, formou uma mulher, e trouxe-a a Adão.
Gênesis 2:22

O termo que queria destacar neste verso do livro de Bereshit, é a palavra vayiven – formouוַיִּבֶן vayiven – é a conjugação da terceira pessoa masculina singular vav-consecutiva imperfeita do verbo בָּנָה banah.

Banah significa literalmente “construir”. Mas não é qualquer “construção“. Banah é um “construir” ligado a uma obra de engenharia. Deus então teria tomado a costela de haAdam, de Adão e, daquilo que anteriormente foi formado do pó, agora é aplicada uma obra de criatividade e inventividade.

A mulher, segundo o texto em hebraico, foi planejada e construída. É portanto uma obra de engenharia, construída pelo Supremo Criador.

banah-formouSe analisarmos a pictografia da palavra “banah“, “formar“, veremos que é constituída da letra Bet pictográfica – a imagem de uma casa primitiva – uma tenda; e da letra Nun pictográfica – a imagem de uma semente.

A mulher é também a construção da casa, a estrutura da família. E é por ela que a semente do casal irá prosperar, através dos filhos.

A SOLIDÃO DE ADÃO

E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele.
Gênesis 2:18

Deus cria diversas espécies de animais, e as apresenta ao homem, para ver como as chamaria. É curioso como o Supremo Criador, infinito, busca uma parceira com o ser (finito) humano, no desenrolar da história do mundo.

Adão recebe de Deus vários dons. Ele foi criado à imagem de Deus, e tem o poder de se expressar por meio da fala, dando nome aos animais. Isso mostra que Adão tem a capacidade de entender e conceituar a natureza de cada ser criado.

Havendo, pois, o Senhor Deus formado da terra todo o animal do campo, e toda a ave dos céus, os trouxe a Adão, para este ver como lhes chamaria; e tudo o que Adão chamou a toda a alma vivente, isso foi o seu nome.
Gênesis 2:19

mas para o homem não se achava ajudadora idônea.
Gênesis 2:20

adão sendo criado

Adão Foi Criado à Imagem e Semelhança de Deus.

Observando todo o desdobramento dessa história, nesses versos acima, podemos perceber que há uma interrupção no fluxo do texto, desde o momento em que o Criador declara que a solidão de Adão não era boa.

O mais lógico de se esperar, seria que logo após o verso 2:18 “Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele“, fossemos conduzidos diretamente para o verso (pasuk) 2:21 “Deus fez cair um sono pesado sobre Adão, e este adormeceu; e tomou uma das suas costelas“.

Mas há uma “interrupção”, primeiro somos informados que Deus traz os animais até Adão. E este passa a categorizar, separar, e compreender que muito embora ele tenha algo em comum com o reino animal, uma semelhança em certos aspectos da fisiologia, porém há diferenças fundamentais que os separam.

Quando o homem é criado, uma nova “espécie” é criada. E a Torá descreve o surgimento dessa nova criatura da seguinte forma:

וַיִּבְרָ֨א אֱלֹהִ֤ים ׀ אֶת־הָֽאָדָם֙ בְּצַלְמ֔וֹ בְּצֶ֥לֶםאֱלֹהִ֖ים בָּרָ֣א אֹת֑וֹ זָכָ֥ר וּנְקֵבָ֖ה בָּרָ֥א אֹתָֽם׃

E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Gênesis 1:27

Ainda que a tradução tradicional traga este pasuk como “homem e mulher os criou”, no original seria “macho e fêmea os criou“. O termo  זָכָ֥ר zakar significa “macho“, e o termo נְקֵבָ֖ה nekevah significa “fêmea“.

A peshat (o sentido literal e direto do texto), nos ensina que este verso, 1:27, é o resumo da criação do homem e da mulher, e que no bereshit perek bet (no capítulo 2:7), há mais detalhes de como Deus formou (וַיִּיצֶר֩ יְהוָ֨ה vayiytza Adonay) o homem do pó da terra.

Ainda assim, é possível, por meio da דְּרָשׁ derash (um método interpretativo simbólico do texto), ter um entendimento que leva à expansão das palavras desse pasuk (verso).

Segundo a derash, Adam haRishon (o Primeiro Adão – [ Yeshua é  האדם אחרון, o Segundo Adão ] ), continha também Chava (Eva), dentro de si mesmo. Por isso está escrito “…macho e fêmea os criou”.

Porém, quando da Criação da mulher, Chava (Eva), é retirada de Adam haRishon, separando dois seres que estavam em princípio juntos.

Portanto, o casamento é a volta do homem ao seu estado original, pois o casamento faz com que o homem e a mulher voltem a se unir em um só corpo, uma só carne, como estava no Princípio. Dois seres em um – não são mais dois, mas Um, como no Princípio.

O Rabino Eleazar disse: Qualquer homem que não tem esposa, não é propriamente um homem; porque está escrito, Macho e fêmea Ele o criou…

Talmude da Babilônia Yevamot 63a.

O homem não é completo, sem a sua esposa!

Veja como Adão fala dessa condição, antes e depois da criação de Eva:

E disse Adão: Esta é agora osso dos meus ossos, e carne da minha carne; esta será chamada mulher, porquanto do homem foi tomada.
Gênesis 2:23

O que foi confirmado pelas palavras do nosso Mestre, o nosso Mashiach:

Por isso deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á a sua mulher,
E serão os dois uma só carne; e assim já não serão dois, mas uma só carne.
Marcos 10:7,8

O termo mais interessante desses textos, é na minha opinião, a palavra אֶחָֽד Echad. Echad significa UM, mas repare que DOIS podem ser Echad – UM,  וְהָי֖וּ לְבָשָׂ֥ר אֶחָֽד – “e serão (os dois) uma só carne”.

Este trecho da Torá (Parashat Bereshit) dá autoridade para que Yeshua haMashiach revelasse um mistério que estava oculto em Deus, desde o tempo da Eternidade:

Eu e o Pai somos um.
João 10:30

E o que mais a Criação de Adão pode nos ensinar? Vamos então, analisar melhor o verso 2:7.

A CRIAÇÃO DE ADÃO

O segundo capítulo do Gênesis trata mais da “formação” de Adão do que de sua “criação“. Entendo que há uma tradução tradicional, mas estes dois termos em hebraico bíblico, “bará” (criar) e “Yatzar” (formar) estão distantes de serem sinônimos.

Criar (bará) significa trazer algo, do nada, à existência -> criação ex-nihilo. Já o verbo יָצַר Yatzar descreve a formação do homem a partir de matéria pré-existente – עָפָר֙ מִן־הָ֣אֲדָמָ֔ה afar min haAdamah – do pó do solo.

Yatzar, ainda tem a sua raiz ligada ao ato de fazer pressão em alguma coisa, ou seja, as mãos do Criador moldando Adam haRishon, de forma semelhante a um oleiro que faz pressão no barro para fazer um vaso.

E esse vaso foi preenchido com algo muito especial, o נִשְׁמַ֣ת חַיִּ֑ים nishmat chayim, o  “Fôlego de Vida“, que veio de dentro do próprio Criador.

Isso é algo único na história da Criação. Adão é um ser especial, e único. Ele possui um corpo físico, material, terreno. Mas também recebeu um Espírito, algo que provém de Deus, algo celestial.

O homem, portanto, é um ser híbrido, que pertence aos dois mundos – Terreno e Espiritual. Enquanto terráqueo e humano, o ser humano necessita de pão material. Porém, como também é celestial, necessita de alimento espiritual:

E Jesus lhe respondeu, dizendo: Está escrito que nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra de Deus.
Lucas 4:4

E hoje, nós conhecemos o verdadeiro Pão Celestial, que alimenta, nutre e dá Vida Espiritual a todos que dele se alimentam:

Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá para sempre; e o pão que eu der é a minha carne, que eu darei pela vida do mundo.
João 6:51

Isto porque o homem, no seu estado original, é mais perfeito, mais elevado do que o restante da criação. Quando Deus soprou em suas narinas o fôlego de vida, Ele o elevou, e o tornou regente de toda a terra.

E o filho do homem, Yeshua haMashiach (que também é Mashiach ben Yossef), veio para resgatar, reconstruir esse vaso caído, e tornar a elevá-lo, a dar vida espiritual.

O נִשְׁמַ֣ת חַיִּ֑ים nishmat chayim, o fôlego de vida foi novamente soprado sobre a humanidade. Quem o receber tem a vida eterna.

E, havendo dito isto, assoprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo.
João 20:22

Sobre o autor | Website

ישראל סילבה Casado com Ana Paula Curty, papai da Sarah Curty, formado em Hebraico Bíblico, Geografia Bíblica, e Contexto Judaico do Novo Testamento, é Especialista em Estudos da Bíblia Hebraica, certificado pelo Israel Institute of Biblical Studies da Universidade Hebraica de Jerusalém; Apocalipsismo Judaico, pela Keets alMayim.

Receba Estudos Bíblicos do Original Hebraico Bíblico!

100% livre de spam.